2015-03-05

Mole (2015)


Mole . OB/W15-044

1. Expansion-induced Drag of Quanta (0:59)
2. O natal para Kepler-62e (tema reduzido) (4:13)
3. O natal para Kepler-62e (7:47)
4. Il gatto di Schrödinger è carino ma non c’è (edit-excerpt) (3:03)
5. Il gatto di Schrödinger è carino ma non c’è (edit) (4:13)
6. Il gatto di Schrödinger è carino ma non c’è (7:22)

-

(english version below)

O primeiro lançamento de 2015 d’A Espiral de Bukowski, o EP Quanta mole, é um aperitivo para o lançamento do primeiro álbum físico próprio do duo, chamado AEdB (com lançamento previsto para maio de 2015).

Todas as faixas contidas no EP foram tiradas da gravação feita durante a apresentação no Ibrasotope (em São Paulo) em abril de 2014. O duo deixa fluir a musicalidade livremente, explorando os timbres do Casiotone contaminados por pedais de guitarra (Big Muff, reverb, delay etc), escaleta e acordeom (que são processados e sampleados ao mesmo tempo em que são tocados), beats minimais (por vezes em compassos diversos), síntese analógica, modulação com ondas quadrada, triangular e dente de serra, uso de teclado de fita para linhas de baixo, microfonia, síntese granular, oscilação de baixa frequência, ruído branco, emulação de malha de captura de fase e a caixinha de fazer ruídos por foto-sensores que o Herbert Baioco Vasconcelos construiu. Os loops são construídos na base do improviso livre, com a sobreposição de samples e uso de filtros e efeitos, muitas vezes em cascata.
O álbum também apresenta gravações de campo em lugares diversos (feitas com um iphone).


Gravado ao vivo no Ibrasotope em 14-04-2014 usando um portastudio Zoom R16, e editado usando Audacity, por Cesar (https://ob-w.bandcamp.com/album/ibr58-a-espiral-de-bukowski-amphis-al-rev-s).

Fotografia por Rodrigo Dario (AEdB durante a apresentação no Ibrasotope) e Alfred Leitner (hélio líquido como parte do filme "Liquid Helium, Superfluid" de 1963).
Arte gráfica por Cesar.

Faixa 1 originalmente na coletânea “One Minute of no Love” do selo Plataforma (2014) - https://plataformarecords.bandcamp.com/album/v-a-one-minute-of-no-love;
Faixa 3 originalmente na coletânea “Ninguém Gosta De Ganhar Meias No Natal” dos blogs Lizt e You! Me! Dancing! (2014) - http://www.lizt.com.br/download-ninguem-gosta-de-ganhar-meias-no-natal/;
Faixa 4 originalmente na coletânea “Felinni” do selo Plataforma (2015).

- -

Quanta mole no blog Floga-se:
http://www.botequimdeideias.com.br/flogase/a-espiral-de-bukowski-quanta-mole-ep/

- -

Free MP3s on Last.fm

- -



- - -

The EP Quanta mole is the duo’s first release of 2015 and is a teaser for their first physical full album, called AEdB, which will be released in May 2015.

Cesar and Mariana improvise freely on Quanta mole, exploring the sounds of a Casiotone keyboard contaminated by guitar pedals (Big Muff, reverb, delay etc), the melodica and accordion being processed and sampled at the same time they are played, minimal beats (sometimes in distinct measures), analog synthesis, modulation with square, triangular and saw tooth waves, granular synthesis, use of ribbon keyboard for bass lines, feedback, low-frequency oscillation, white noise, emulation of phase-locked loop and a little box that makes noises by photocells. The loops are built in conjunction with filters and effects, often in cascade.
The EP also features field recordings from different places (made with an iphone).


Recorded live at Ibrasotope on the 14th of April 2014 using a portastudio Zoom R16, and edited using Audacity, by Cesar.

Photography by Rodrigo Dario (AEdB during the presentation at Ibrasotope) and Alfred Leitner (liquid helium as part of the film "Liquid Helium, Superfluid", 1963).
Artwork by Cesar.

Track 1 originally on the compilation “One Minute of no Love” by Plataforma Records (2014);
Track 3 originally on the compilation “Ninguém Gosta De Ganhar Meias No Natal” by the blogs Lizt and You! Me! Dancing! (2014);
Track 4 originally on the compilation “Felinni” by Plataforma Records (2015).


O Bosque / Woodland related Video Bar

Loading...